sexta-feira, 29 de abril de 2011

Colectivo Ultras 95 também esteve em grande com a sua coreografia.



Clicar para ver video da nossa coreografia de ontem.

Amigos, são por estas e por outras que tenho orgulho em ser portista o Colectivo Ultras 95, uma das claques oficiais e legalizadas que apoiam o FC Porto deram mais um espectáculo coreográfico na bancada do topo norte do estádio do dragão, ao demonstrar a vontade que os ultras do fcp têm, em estar presentes na final europeia em Dublin. Não é a primeira vez que os membros desta claque se evidenciam com estas espectaculares acções que abrilhantam e enaltecem o futebol nacional, e afastam as más-línguas que apostam disfarçadamente e através dos meios de comunicação social que são pagos por todos nós, para tentarem difamar os elementos das claques ao anunciarem recentemente durante vários dias um blog nacional onde se põe em causa e se discute se as claques são organizações criminosas ou reis da bancada, esquecendo-se ou tentando fazer esquecer que os verdadeiros criminosos encontram-se na dita classe alta da sociedade Portuguesa, médicos, administradores empresas, presidentes de bancos, políticos etc. está mais que comprovado, ontem foi mais um exemplo que nós os ultras, não somos reis nem rainhas isso e lá com o príncipe William e sua esposa em Inglaterra, somos pessoas normais como todas as outras, temos todos em comum a ideologia de um apoio fiel, digno, correcto, e nobre, demonstrando assim a nossa dedicação ao clube que adoramos.

Faltam 90' minutos para estarmos presentes na final da Liga Europa em DUBLIN.

Caros portistas, ontem assistimos a uma noite de futebol europeu, de grande alegria para todos nós principalmente adeptos e simpatizantes portistas, e para todos os restantes portugueses adeptos deste desporto que é o futebol, o FCP teve uma exibição excelente praticou um futebol coeso, digno, com objectividade, e com uma finalização eficaz e mortífera. Mas não na 1ª parte, não pressionávamos, o meio-campo pareceu-me algo apagado principalmente o Fernando coisa que não é habitual, alguns passes errados, um futebol até algo irritante, com uma desatenção fora do habitual até nas marcações, e fomos para o intervalo a perder por 0-1, mas uma coisa foi certa na segunda parte todos se transfiguraram que tónico de motivação que estes jogadores tomaram. O árbitro holandês Bjorn Kuipers que foi nomeado para apitar o FC Porto-Villarreal foi bastante radical com as suas decisões e certo que tinha directrizes para prejudicar o FC Porto, não contava era que o FC Porto entrasse em grande, na segunda parte, e marcasse cinco golos, contra factos não houve argumentos. Como eu já tinha dito num post anterior tenho a sensação que a final europeia será porto-encarnados, embora o Braga ainda tenha algo a dizer, mas acho, e que me perdoe o Domingos Paciencia, não acredito que tenha grandes hipóteses, pois a própria UEFA não vai deixar. Ontem também não queriam deixar o FCP prosseguir para a final em Dublin, pois o jogo na 1ª parte não foi muito bem conduzido por a equipa de arbitragem, portanto com certeza que não vão deixar o Braga ir mais longe do que já foi, só se derem uma goleada aos mouros como o nosso FCP deu ao Villarreal, aí não há volta a dar, coisa que muito sinceramente não acredito que aconteça mas… Impossível não nos lembrar, da final europeia de 2003 e pensarmos com algumas certezas que podemos e vamos repetir o feito.





III Campeonato da LPB, playoffs, meias-finais jogo 1, Andrade salvou a noite.

A derrota, ao primeiro jogo das meias-finais dos playoffs, chegou a parecer inevitável e a invencibilidade no Dragão esteva quase quebrada. Foi nesse cenário dramático, com o Guimarães persistentemente na frente, que emergiu Carlos Andrade para a dar a volta completa à partida (82-78) com uma quota de 11 pontos, 5 ressaltos e 3 assistências num só período. O último, o decisivo. Mais do que a agressividade da defesa adversária ou a divisão em partes praticamente iguais de ressaltos conquistados (20-21), a deficiente definição dos movimentos atacantes dos Dragões, acompanhada de uma súbita desinspiração no lançamento exterior, foi a prinmeira razão da parca pontuação registada ao intervalo (34-36).

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Dragões batem Benfica e aproximam-se do «tri».

O FC Porto Vitalis bateu esta quarta-feira o Benfica por 28-18 e ampliou para quatro pontos a sua vantagem na liderança do Andebol 1. Foi a quarta vitória consecutiva dos Dragões na fase final e pode dizer-se que o título fica mais perto, mas ainda está longe de estar garantido. Importa agora vencer o Sporting, já no domingo (17h15).



sábado, 23 de abril de 2011

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Dragões estão nas meias-finais dos playoffs.

O FC Porto Ferpinta qualificou-se esta sexta-feira para as meias-finais dos playoffs da Liga portuguesa de basquetebol, ao obter o terceiro triunfo consecutivo face ao CAB, agora no Funchal, por 98-88. Stempin, com 16 pontos e sete ressaltos, foi o jogador em maior destaque. Depois das vitórias por 88-78 e 81-62, nos dois primeiros jogos, o FC Porto fechou a eliminatória num encontro em que foi dominador. Os Dragões venceram a luta das tabelas (34 ressaltos contra 17 do CAB), não perdoaram nos triplos (11 em 22) e apenas falharam um lance livre (17 em 18). Ao intervalo, os azuis e brancos já ganhavam por 49-41. O FC Porto Ferpinta irá defrontar nas meias-finais o vencedor da eliminatória entre o Vitória de Guimarães e o Penafiel. O conjunto vimaranense já somou duas vitórias e o terceiro encontro disputa-se esta sexta-feira. O FC Porto alinhou e marcou: Julian Terrell (10), Greg Stempin (16), José Costa (7), Nuno Marçal (13) e Carlos Andrade (13) – “cinco” inicial; Diogo Correia (8), Sean Ogirri (15), João Soares (3) e Miguel Miranda (13).

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Para todos vós... mas para todos mesmo, uma santa e feliz páscoa.

(Clicar na imagem para visualizar)

Este é o nosso destino, vencer.

Caros portistas, que prazer é ver o Porto a vencer os encarnados e principalmente no seu estádio, que alegria, na primeira parte não houve golos, na segunda parte a equipa arrancou com um futebol estrondoso, de acordo com os princípios das equipas do FC Porto, arrasaram por completo um adversário apático e indefeso, que não pôde resistir a tanta superioridade demonstrada, fomos melhor fisicamente, tivemos uma entrega por parte dos nossos jogadores notável, uma competência extrema, uma agressividade imposta á campeão, uma segunda mão que começa com a desvantagem de dois golos, demos a volta em casa do adversário em dez minutos marcamos três golos, conseguir virar este resultado em casa do rival e ganhar por 3-1, é um acto de grandeza que demonstra a qualidade eximia dos nossos jogadores e respectiva equipa técnica, que para nós nunca causou dúvidas, apenas para alguns cegos e ignorantes no mundo futebolístico, e que só pensam em denegrir o futebol nacional, e onde não se enquadram no espírito do fair play.

fotosdacurva 



Campeonato Nacional Andebol, 5ª jornada da fase final grupo A.

O FC Porto Vitalis somou a terceira vitória consecutiva na fase final do campeonato de andebol, ao bater, esta quarta-feira, o Madeira SAD, por 30-19, em desafio da quinta jornada, realizado no Pavilhão Dragão Caixa. Uma entrada implacável na partida, com o adversário a marcar pela primeira vez apenas aos 10 minutos, permitiu aos azuis e brancos chegarem ao intervalo com uma ampla vantagem, de nove golos (17-8), numa altura em que o treinador Ljubomir Obradovic já havia lançado alguns jogadores menos utilizados. A supremacia dos Bicampeões manteve-se na segunda parte, com a equipa a saber gerir muito bem o esforço, sem nunca deixar os visitantes ameaçarem o resultado. Com este triunfo, os Dragões permanecem na liderança da classificação.

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Oh.... lampião... levas-te 5 do Dragão....

video
Caros portistas, sem dúvida que esta vitória sobre o Sporting foi inquestionável, os objectivos foram cumpridos na conquista da invencibilidade. Venha o próximo jogo que é com os encornados, estamos a perder por dois zeros, esses são certos, mas é algo que não nos intimida, bem pelo contrário só nos motiva. Lá estaremos como sempre apoiar sem medos, sem receios, apenas com um objectivo em mente defender e apoiar o nosso clube na conquista de mais um troféu. Aconteça o que acontecer… Benfica… é merda até morrer.

Vídeo enviado por: Luís Mouta

Anedota da Semana de 18/04/2011 a 24/04/2011

A Piada com lógica neste momento em Portugal...

Campeonato da LPB, Playoffs, quartos-de-final, jogo 2.

Se a fama dos Dragões ao longo de toda a fase regular cresceu em torno da qualidade do seu jogo exterior, os playoffs e, em particular, a vitória na segunda partida dos quartos-de-final, revelam a exuberância do seu interior, onde não falta espaço para pormenores de requinte e detalhes inesperados. Foi com eles que o FC Porto Ferpinta somou a segunda vitória (81-62) ao segundo encontro com o CAB. Depois das dificuldades experimentadas no primeiro jogo e, sobretudo, no período inicial, os azuis e brancos não se deixaram surpreender no reencontro. O antídoto para a defesa agressiva do adversário, talhada para desafiar os limites da legalidade e testar a atenção do trio de arbitragem, foi cuidadosamente preparado, distinguindo-se, em especial, na pressão incessante sob o base opositor e, melhor ainda, na definição exemplar dos lances de ataque.

Depois de dois triunfos no Dragão, fica a faltar a terceira vitória para que o vencedor da fase regular atinja as meias-finais, o que pode acontecer já à terceira partida, agendada para sexta-feira, no Funchal, embora Moncho López tenha alertado, precisamente, para a capacidade de o opositor se manter no jogo e na eliminatória.

Continuamos imunes à derrota.

O título já está assegurado e há outras competições em disputa, mas esta equipa do FC Porto não sabe jogar sem ambição e qualidade. Num «clássico» que dominou quase na totalidade do tempo de jogo, os Dragões venceram o Sporting por 3-2, com Falcao a «bisar» já vai com 14 golos na Liga é o terceiro melhor marcador da prova, apenas atrás de Hulk e João Tomás o FC Porto já bateu o recorde de pontos em campeonatos com 16 equipas: soma agora 77.




sábado, 16 de abril de 2011

Campeonato Nacional Andebol, 4ª jornada da fase final grupo A.

O FC Porto Vitalis venceu esta tarde o ABC de Braga por 21-17, impondo a quarta derrota consecutiva ao ABC nesta fase final do Andebol 1. Ao intervalo, a equipa do Porto já seguia na frente, vencendo por 12-10. Para o grupo B, o Liberty São Bernardo foi a Guimarães vencer o Xico Andebol por 30-27 (14-17 ao intervalo). A ronda completa-se este domingo com os jogos Madeira-SL Benfica e Sporting-Águas Santas.

Campeonato da LPB, Playoffs, quartos-de-final, jogo 1.

FC Porto 88 - CAB Madeira 78
Um «duplo-duplo» de 27 pontos e 14 ressaltos é soma bastante para aferir parte da importância de Greg Stempin na vitória dos Dragões sobre o CAB Madeira, mas não diz tudo sobre o papel do norte-americano no primeiro jogo dos playoffs, o qual virou no decurso do segundo período, para o definir nos instantes finais, logo a seguir a dois triplos de Diogo Correia.

sexta-feira, 15 de abril de 2011

És um autêntico cobarde, mas também não é novidade para nós.

Quatro jogos com alterações.

O Sp. Tomar-Benfica e o Física-HC Braga, integrados na 27ª jornada do Campeonato Nacional da I Divisão de Hóquei em Patins, vão disputar-se a 11 de Maio, pelas 21 horas, devido à presença de encarnados, torreenses e minhotos na Final 4 da Taça CERS. Na 28ª ronda, o FC Porto-Física e o Candelária-Sp. Tomar foram agendados para 25 de Maio, na sequência da participação de dragões e açorianos na Liga Europeia. Por questões relacionadas com a gestão do Dragão Caixa, os campeões nacionais irão receber a formação de Vítor Fortunato no Pavilhão Municipal de Fânzeres, vamos matar saudades do inferno de Fânzeres.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Conquista do decacampeonato, está mais próxima.

Os campeões nacionais receberam e golearam o HC Braga por 8-2, em jogo da 25ª jornada do campeonato. Destaque para Reinaldo Ventura, autor de 4 golos, e que passou a ser o melhor marcador da equipa do FC Porto.

Os "dragões" apuraram-se para as meias-finais com mais uma exibição categórica, em Moscovo.

Um FC Porto a jogar, á FC Porto, garantiu a presença nas meias-finais da UEFA Europa League, graças a nova goleada sobre o FC Spartak Moskva, desta vez na casa deste, por 5-2. O Spartak começou ao ataque, mas Hulk deu um golpe duro nas aspirações russas, e Cristián Rodríguez colocou um ponto final na eliminatória, perto do descanso. Fredy Guarín ampliou logo após o intervalo e Artem Dzyuba ainda reduziu para 3-1, mas o inevitável Falcao voltou a colocar a diferença em três golos, logo a seguir. Ari ainda voltou a reduzir, aos 72 minutos, mas Rúben Micael fechou as contas.

BENFICA TV NO SEU MELHOR ......DESPRESÍVEL !!!!!!!!!! INQUALIFICÁVEL!!!!!!!



VEJAM SÓ PARA ONDE CAMINHA ESTE CLUBE QUE APAGA LUZES, COLOCA PROPOSITADAMENTE A MÚSICA NAS ALTURAS PARA ABAFAR OS CÂNTICOS DA CLAQUE ADVERSÁRIA, LIGA SISTEMAS DE REGA PARA EVITAR OS FESTEJOS DA EQUIPA ADVERSÁRIA, E PÕE EM DIRECTO UM ANORMAL DESTES A OFENDER AS PESSOAS, E A DESRESPEITAR OS JÁ FALECIDOS.
PERGUNTA: SERÁ POSSIVEL HAVER UM DIA ENTENDIMENTO COM GENTE DESTA ,SEM O MINIMO DE DIGNIDADE?

Vídeo enviado por: Luís Ribeiro

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Continuamos na liderança, pois é este o nosso destino.

No Dragão Caixa, o jogo entre FC Porto e Águas Santas só teve um sentido. O FC Porto dominou por completo, perante o adversário que não encontrou soluções para parar o adversário. Com a diferença no marcador a acentuar-se com o passar do tempo, a primeira vitória do FC Porto na fase final do Andebol 1 foi muito expressiva, 43-22.

O FC Porto mantém, assim, a liderança no Andebol, com 36 pontos.



Para que não haja dúvidas.

Face às notícias postas a circular nos últimos dias, vem a FC Porto, Futebol SAD esclarecer o seguinte.

1 – É falso que o FC Porto tenha em sua posse qualquer factura ou nota de débito do Benfica relativa a bilhetes de jogos entre as duas equipas. No dia 11 de Abril, às 12h59, o FC Porto enviou, através de correio electrónico, um pedido ao Benfica para que enviasse a factura no total de 76.588 euros relativa aos ingressos do jogo de 3 de Abril, disputado no Estádio da Luz. Essa factura ainda não nos chegou;

2 – No mesmo documento, o FC Porto relembrou o Benfica que persistiam em dívida, apesar das facturas emitidas e enviadas, 32.747,44 euros relativos às cadeiras destruídas no Estádio do Dragão pelos seus adeptos no jogo para o campeonato nacional, disputado a 7 de Novembro de 2010;

3 – Ainda no mesmo documento, o FC Porto recordava o Benfica que continuava – e continua – em falta o pagamento de 22.480 euros relativos aos bilhetes entregues ao Benfica para o jogo da Taça de Portugal, disputado em 2 de Fevereiro. Factura emitida e enviada;

4 – Alega o Benfica que o FC Porto tem para consigo uma dívida de 16.990,97 euros relativa a uma multa aplicada pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, por causa de danos causados no seu autocarro por adeptos do FC Porto. É falso. O FC Porto foi notificado em Janeiro desse valor, tendo um mês para efectuar o pagamento. Esse pagamento foi efectuado no dia 16 de Fevereiro, como confirma o recibo em nossa posse, emitido pela Liga e que nos chegou a 25 de Fevereiro;

5 – Há um valor ainda por apurar, e do qual o Benfica é responsável, relativo às cadeiras destruídas no Estádio do Dragão aquando do jogo da Taça de Portugal, disputado em Fevereiro. Admitimos que também haja um valor por apurar, de que o FC Porto será responsável, relativo a cadeiras destruídas pelos adeptos do FC Porto no jogo de 3 de Abril, para o campeonato nacional;

6 – Existia, de facto, uma dívida de 7500 euros relativa ao pagamento dos direitos de formação do jogador Pelé, pagamento esse que foi hoje mesmo efectuado;

7 – Os jogos da Taça de Portugal são disputados em terreno neutro, independentemente do estádio em que se disputem, e as receitas são a dividir por três partes, as equipas intervenientes e a Federação Portuguesa de Futebol. Como qualquer pessoa de boa fé entende facilmente, as receitas dos dois jogos entre FC Porto e Benfica para a Taça de Portugal são muito superiores a qualquer destas parcelas em falta de uma parte ou de outra, pelo que faz sentido, depois, proceder-se a um encontro de contas, como é habitual nestas circunstâncias. Foi assim que o FC Porto agiu sempre, tendo até a vantagem moral da dívida mais antiga ser a do Benfica, relativa à destruição das cadeiras no jogo dos 5-0, em Novembro.

8 – Esta é a verdade, a verdade toda, explicada ponto por ponto, para que ninguém tenha dúvidas. Depois de terem desligado a luz na festa do título, depois de desejarem a morte dos adversários na Benfica TV, só faltava mesmo inventarem uma história da carochinha para pretenderem impedir o acesso regulamentarmente previsto dos adeptos do FC Porto ao jogo da próxima quarta-feira, no Estádio da Luz. Contamos, como sempre, que se cumpram os regulamentos.

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Revista Super Dragões é já na sexta-feira próxima que sai a edição n.º7 (Março)!!!

= Revista Super Dragões =
É já Sexta-feira próxima que sai a edição n.º7 (Março)!!!

DESTAQUES:

Viagem a Sevilha;
O Lendário núcleo do Aleixo!!
Paulo “Tifosi” na primeira pessoa!!!

Queres dar a tua opinião? Contar uma história? Mostrar imagens de momentos marcantes da tua vida como ULTRA?

Contamos com a tua colaboração!!!

Queres esta edição? Contacta o teu chefe de núcleo ou procura nos locais habituais!!!

Um facto pouco conhecido.


Enviado por: Carlos Cação

A primeira protecção testicular (coquilha), foi usada no Hockey em 1874 e o primeiro capacete apenas em 1974. Significa isto que o homem levou 100 anos a compreender que o cérebro também é importante.

As senhoras, por favor, parem de rir, ok?

Aí está ele!! Futre foi buscar o maior jogador chinês da actualidade!!


Enviado por: Luís Torres

Fase final: FC Porto empata com Sporting (22-22) e sobe à liderança.

No jogo que encerrou a 2ª jornada da fase final do Andebol 1, o Sporting CP empatou com o FC Porto (22-22), em jogo disputado no Casal Vistoso. Filipe Mota marcou o primeiro golo para o FC Porto, aos dois minutos de jogo e o 0-2 surgiu logo em seguida num contra-ataque concretizado por Dario Andrade. Perto do minuto cinco, Fábio Magalhães abriu a contagem para o Sporting, que, nos primeiros minutos de jogo, teve dificuldades em chegar à baliza adversária, mas, aos poucos, a equipa leonina foi equilibrando o jogo e, aos quinze minutos, 5-5 era o resultado. Com as duas equipas muito equilibradas, o Sporting passou, pela primeira vez, para a frente do marcador, aos 18 minutos de jogo (7-6) e conseguiu, até, aumentar a vantagem e chegar ao intervalo a ganhar por 12-10. O FC Porto entrou melhor para a segunda parte e voltou a equilibrar as contas, aos cinco minutos (12-12), mas o Sporting voltou a adiantar-se no marcador.

Inspiração de Carlos Andrade derrubou o CAB.

O FC Porto Ferpinta fechou a fase regular a vencer o CAB Madeira (83-71), no Dragão, e a somar a 21.ª vitória em 22 possíveis. Na última jornada, disputada este domingo, o vencedor da Taça de Portugal não resistiu à inspiração e energia de Carlos Andrade. Marcada por momentos frequentes de equilíbrio, o triunfo portista começou a assumir contornos de carácter irreversível apenas no último quarto da partida, período para o qual a equipa de Moncho López entrou com uma vantagem de sete pontos (68-61).

Dragões continuam invenciveís.

Os "dragões" somaram a 24ª vitória da temporada e mantêm-se no trilho de um objectivo que se seguiu ao da conquista do título de campeão: acabar a Liga sem qualquer derrota. André Villas Boas assumiu algumas poupanças, a pensar na partida de quinta-feira com o Spartak Moscovo, para a Liga Europa, e deu-se bem com isso.

domingo, 10 de abril de 2011

Ciurgia plástica faz milagres.

video

Liga Europeia: FC Porto empata com o US Coutras

Com a presença na final-8 da Liga Europeia assegurada, o FC Porto deslocou-se a França para defrontar o US Coutras e de lá saiu com um empate a sete golos, os Dragões terminam esta fase em 2º do grupo. Na fase decisiva da Liga Europeia, os dragões voltam a encontrar o Barcelona, equipa com quem jogou no ano passado.

Data prevista dos próximos jogos europeus:

Liceo Corunha-Noia, 18 de maio
Blanes-Candelária, 18 de maio
FC Porto-Barcelona, 19 de maio
Valdagno-Reus, 19 de maio

Anedota da Semana de 11/0472011 a 17/04/2011


O FEIJÃO

sexta-feira, 8 de abril de 2011

A nossa ambição não tem fim, queremos conquistar a Liga Europa, e muito mais.

O campeão português manteve a invencibilidade frente às equipas russas e parte com uma larga vantagem para o jogo de Moscovo agendado para a próxima quinta-feira, com o excelente cabeceamento de Falcão a abrir as hostilidades. Varela e Maicon marcaram no espaço de cinco minutos da segunda parte, antes de Dmitry Kombarov reduzir para o Spartak e de Falcão fechar a contagem com os seus oitavo e nono golos na prova, o que lhe permite ascender à liderança dos melhores marcadores, com dez remates certeiros.

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Somos os ultras do fcp.

Quatro expulsões ditaram desfecho do clássico.

O FC Porto Vitalis lutou até onde pôde. Esteve praticamente sempre a ganhar, até que viu quatro dos seus jogadores mais influentes serem expulsos. Só nessa altura o Benfica conseguiu passar para a frente do marcador, acabando por vencer a partida (26-24), referente à primeira jornada da fase final do campeonato de andebol. A jogarem em terreno hostil, os Dragões foram, ainda assim, superiores ao longo de quase todo o desafio, chegando ao intervalo com dois golos de vantagem (12-14) e no controlo das operações. Na segunda parte, as decisões de arbitragem viriam a condicionar a actuação azul e branca, com Inácio Carmo, Pedro Spínola (vermelho directo), Tiago Rocha e Filipe Mota a receberem ordem de expulsão, obrigando o treinador Ljubomir Obradovic a lançar os jogadores menos experientes. Não obstante o esforço, a equipa acabou por se ressentir das ausências e viu o adversário colocar-se em vantagem a cinco minutos do final.
Apesar da derrota, os Bicampeões Nacionais mantêm-se na liderança da prova, juntamente com o ABC.

Marcadores do FC Porto Vitalis: Ricardo Moreira, 6; Nuno Grilo, 5; Dario Andrade, 4; Tiago Rocha, 3; Inácio Carmo, 3; Pedro Spínola, 2; Filipe Mota, 1.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Quem tem Dragon Seat tem lugar marcado no Stock Off Fashion!

O Estádio do Dragão vai voltar a receber o Stock Off Fashion, que já é uma tradição na casa do FC Porto. No próximo fim-de-semana (9 e 10 de Abril), a sala VIP do recinto (com entrada pela porta dois) vai estar repleta de roupa, calçado e acessórios, com preços de perder a cabeça. Num só espaço, estarão reunidas marcas nacionais e internacionais de grande prestígio. Mais uma vez, o FC Porto dá prioridade aos seus associados, para que possam aproveitar as melhores oportunidades. Todos os detentores de Dragon Seat que apresentem as quotas em dia terão o privilégio de aceder ao Stock Off Fashion um dia mais cedo, gratuitamente. As portas da sala VIP abrem-se em exclusivo para esses sócios (e um acompanhante), na sexta-feira, dia 8 de Abril, das 18h00 às 22h00. A exibição do cartão de sócio é essencial. As marcas que estarão representadas no Stock Off Fashion deste fim-de-semana são: Puma, Nike, Replay, Chicco, Geox, Guess, Boss, Dolce & Gabbana, Kenzo, Jean Paul Gaultier, Yves Saint Laurent, Fransa, Peace Of Love, Francorina, Zarref, J. Simões, Rene Denry, Just Cavalli, Diesel, Nolita, Indian Rose, DKNY, Sisley, Benetton, Zippo, Nakuro, Núcleo, Gsus, Icenso, Roberto Botella, Armani, Girandola, Levi Strauss, Lee, Mustang, Custo Barcelona, Trussardi, Catimini, Petit Patapon, Bébé Confort, entre outras.

No sábado e no domingo, a entrada no Stock Off Fashion custa dois euros.

terça-feira, 5 de abril de 2011

Oferta de emprego muito importante.

Enviado por: Luís Mouta

É sinal que tem bom gosto.

Uma vergonha, vocês são uma vergonha, uma vergonha...





 Ora bem caros portistas, como prometido aqui vou falar agora um pouco sobre esta deslocação ao estádio da luz, onde existe lá muita coisa menos a respectiva luz, desde o início em que as autoridades se juntaram á comitiva de adeptos portistas foi uma autêntica vergonha e um espectáculo degradante das nossas autoridades que em vez de nos fazer chegar o mais rapidamente possível ao estádio fizeram com que nos atrasássemos ao máximo, pois para terem uma pequena ideia deste atraso façam as contas, saímos da cidade do Porto às 12:15 e eram 20:45 ainda estávamos à porta do estádio aguardando vez para a maldita revista, e facultativa esta revista a uns nem o bilhete pediram e a outros até o calçado mandaram tirar, e o jogo a decorrer, e nós ainda cá fora, demorar oito horas e meia de camioneta em plena auto-estrada é uma autentica vergonha, imaginem a grande seca, a policia fez as camionetas circularem na auto-estrada a 50km isto só pode ser gozo, mais valia ir de comboio que era mais rápido. Um autêntico complô das autoridades com o clube do regime, também na revista ao entrar para o estádio onde pensava eu que vivíamos num país livre, houve uns que não puderam entrar com as bandeiras alusivas á claque e ao seu clube, outros já entraram com as bandeiras alusivas às claques inclusive com os tubos em pvc uma autêntica palhaçada, mas as faixas alusivas aos Super Dragões e Colectivo Ultras 95 lá estavam representadas, é a vantagem de estarmos legalizados seus palhaços (já pensaram o porquê da claque rival não se legalizar, deve ser tudo bons rapazes). Mas há mais com bilhete na mão exemplo: porta 28 / piso 3 / sector 39 / fila V / lugar 8, eu e muitos adeptos portistas, fomos impedidos de aceder aos nossos lugares que foram devidamente adquiridos e pagos, as autoridades alegaram que essa área estava reservada para as bandeiras e faixas e empurravam a responsabilidade da zona reservada para os stewards e estes vice-versa, ora se filtraram na entrada ao máximo as bandeiras, estandartes, faixas de núcleos, etc. com a excepção das faixas oficiais da claque, evidente que nessa zona nada para ser colocado, sobraram assim imensas cadeiras vazias numa zona que deveria ser ocupado por os adeptos, a policia compactuou para que fosse gerada uma enorme confusão, chegando até a por em causa a integridade física de todos, é muito lindo vir para a televisão dizer que o rival fez mal em apagar a luz mas nada fizeram para solucionar o problema, uns autênticos colaboradores do clube do regime que pensa que estão acima de tudo e de todos. Os palhaços directivos do clube rival entenderam que estragavam a festa portista (como se isso fosse possível) com sistemas de rega ligados, e apagões, e música parola e ultrapassada nas alturas, só nos motivaram para que os nossos festejos tivessem um gosto extremamente especial, cambada de morcões. Também não deixamos de referir e relembrar que quando a equipa do rival veio ao Dragão, não foi preciso as autoridades disparar tiros para os adeptos portistas, porque nós não somos santos, nem criminosos, apenas ultras.

Em anexo fotos do passeio das autoridades, e das bandeiras perigosas e insultuosas que nos privaram de entrar no estádio das trevas.





Apaguei as luzes.........ná goste de parder!

Enviado por: Luís Ribeiro

Apesar de não seres electricista, Jesus apaga a luz. :)

Enviado por: Pedro

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Campeão a 5 jornadas do fim, em casa do rival, tem um gosto especial.

O FC Porto venceu o rival por (1-2), este domingo, na casa do mau perdedor, mas sobre o "mau perder" vou dedicar um post exclusivo e falarei mais para a frente do que me vai na alma. Portanto oficializou-se assim ontem o 25º título de campeão nacional da história portista, a faltar cinco jornadas para o final deste campeonato.

Dragões goleiam Limianos (8-2) e mantêm liderança.

Faltam seis jornadas para o fim do campeonato nacional e o FC Porto Império Bonança não desarma na luta pelo decacampeonato. Este sábado, venceu o Limianos por 8-2 e garantiu assim a manutenção da liderança da prova. Pedro Gil, com quatro golos, manteve a veia finalizadora, tendo sido secundado por Emanuel Garcia, autor de um «hat-trick». Reinaldo Ventura apontou o outro tento, que foi até o primeiro dos portistas, restabelecendo então o empate (1-1) depois do golo inaugural dos minhotos. Ao intervalo, o FC Porto vencia por 5-2. Na próxima jornada, os Dragões recebem o HC Braga.

O 6 golo de Pedro Gil livre directo.

fotosdacurva

Carlos Andrade ilumina vitória em Ílhavo.

Com Carlos Andrade de novo em grande, confirmando a plena recuperação com a soma de 23 pontos e a distinção como MVP, o FC Porto Ferpinta venceu, este sábado, o Illiabum por 72-87, em Ílhavo, em partida da penúltima jornada da fase regular, cujo primeiro lugar os Dragões já tinham assegura há quase duas semanas, na Luz. Em vantagem desde o primeiro cesto da partida, convertido por Julian Terrell, a equipa de Moncho López dominou todos os capítulos do jogo, teve no primeiro período a sua melhor fase, confirmada num parcial de 18-27, e atingiu o intervalo a vencer por 33-45. A gestão e a rotatividade do plantel gerou alguma desaceleração, ainda que todos os jogadores utilizados tenham pontuado, com os azuis e brancos a acrescentarem, na segunda parte, mais três pontos à diferença. Menos de 28 minutos de utilização foi tempo bastante para Carlos Andrade se distinguir como MVP do encontro, com 23 pontos, 8 ressaltos e 2 assistências, e revelar um elevado índice de eficácia de lançamento. Greg Stempin, com 18 pontos, 4 ressaltos e 4 assistências, também esteve em plano de evidência.

Anedota da Semana de 04/04/2011 a 10/04/2011

Desonrar a Família

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Assim vai o nosso espírito.



SER PORTISTA
É sentir sempre o encanto
Por nascer azul e branco
Gostar muito desta terra
Sempre disponível prá “guerra”
De manhã até ás tantas
Recordando sempre as Antas
Nunca abdicar da razão
Dentro ou fora do Dragão
Desprezar certo tipo de chavões
Impróprios a autênticos campeões
Dando-lhes pouca importância
Mantendo-os sim...à distancia
Também traduzida em pontos
Que isso é o que os põe tontos
Sempre a fazer-nos continência
Vão perdendo a paciência
De tanto a olhar p’ra cima
Fazem queixas até ...à prima
Usam a “cassete” do sistema
Vêm este filme no seu cinema
Que gostam e ainda bem
E cada um...tem o que tem.
Por isso eu sinto orgulho
Ao assistir a este embrulho
Me vai dando mais certeza
Que a força da Natureza
Por ser diferente no Norte
Outra vez dirão...com sorte...
Esta equipa não tem travões
Com Helton e mais dez Falcões
São estes os CAMPEÕES!!!

Alfredo Paiva 

Enviado por: Luís Ribeiro

Justiça desportiva, onde andas rapariga ?????????



Concerteza esqueceram-se!

Murro de Jorge Jesus já vai em 65 dias sem punição.

Para os que adoram apregoar sobre a moral e bons costumes no futebol, para quem passa a vida a falar em campeonatos viciados e a apelar à justiça, para quem adora aparecer em bicos dos pés na televisão em reuniões intimistas com secretários de Estado do desporto a dar uma de inocente, impoluto e defensor da verdade desportiva com meia dúzia de dossiers debaixo do braço, para quem mais não fez do que aplaudir a Comissão Disciplinar da Liga do ano passado após ter castigado os jogadores do Braga e do Porto, pergunto: por que estão tão caladinhos agora? O Braga perdeu o campeonato na última jornada, recordam-se? O Porto não voltou a perder com Hulk em campo, estão lembrados?
"Caso seja provada a agressão, Jesus incorre numa pena de 23 dias a nove meses. A tentativa de agressão prevê uma suspensão de oito dias a três meses." CM
Por que não querem saber o que se passa no interior da Liga de Clubes para que um treinador que agrediu um jogador de uma equipa adversária ao vivo, a cores e em directo, continue a pisar os relvados, três meses após o "incidente", sem ter sofrido entretanto qualquer punição? Por que não se questionam qual a razão para a agressão que todos vimos em canal aberto (e não só meia dúzia no quentinho do estúdio do canal Benfica ou numa sala obscura de Direcção) continuar em banho-maria? Por que razão pôde este treinador continuar a empurrar, insultar e tentar agredir jogadores adversários nos jogos subsequentes, como aconteceu contra o Maritimo, sem que nada se tenha passado?
A Liga está à espera de quê? Da Páscoa? A época que celebra a ressurreição de Jesus de Nazaré para finalmente ter a ousadia de tratar este caso com a mesma agilidade que o fez em relação aos treinadores de outros clubes? Convém esclarecer que este Jesus não é de Nazaré, é ali da Amadora. E a única ligação a Deus para além da fé que deve ter, e muita para continuar a acreditar no título, é a comparação descabida que ouvi dum conhecido comentador benfiquista fazer, provavelmente defeito profissional de cineasta, ao afirmar que "Jesus é melhor que Mourinho". Coitado do Mourinho, mas que mal fez ele a Deus? Esperem...mas Mourinho não é Deus? Jorge é filho de Mourinho? Tem lógica: Jesus era filho de José.
PS: Os senhores da Comissão Disciplinar da Liga estão à espera de quê? Que o Benfica faça os dois jogos com o Porto para finalmente pendurarem Jesus na cruz? Ou vão castigá-lo durante as férias, de forma a não prejudicar o "calendário" avermelhado?

Tiago Mesquita

Só mesmo no dia 1 de Abril.

O FC Porto não pode deixar de manifestar estranheza quando se anuncia publicamente que a lei será desrespeitada, como hoje mesmo fez o Benfica através da publicação de uma nota no seu site oficial, em que anuncia como irreversível o impedimento de os adeptos do FC Porto e das suas claques oficiais entrarem no Estádio da Luz com adereços alusivos ao nosso clube.

Facto I: Segundo o regime jurídico do combate à violência, à xenofobia e à intolerância nos espectáculos desportivos, apenas os grupos de adeptos legalizados podem ser alvo de apoio por parte dos clubes.

Facto II: Hoje mesmo, em entrevista a um jornal desportivo, João Pestana, Chefe do Núcleo de Informações Policiais do Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública, confirma que as claques do FC Porto estão devidamente legalizadas, enquanto as do Benfica continuam à margem da Lei.

Facto III: O FC Porto impede adereços alusivos a claques ilegais, inclusivamente com símbolos de inspiração neo-nazi, mas permite todos os alusivos ao clube adversário.

Facto IV: O Benfica pretende impedir adereços alusivos às claques devidamente legalizadas, mas também ao próprio clube.

Só mesmo no dia 1 de Abril se pode invocar o princípio de reciprocidade, quando estamos a comparar a legalidade com a ilegalidade.

O FC Porto exige que as autoridades façam cumprir a Lei da República.

Fonte: fcporto

Pintaremos o vosso estádio com as nossas cores.

Foto: retirada do blog mentalitaultra